Apple pensou em desistir do iPhone

, , No Comments

  

(Fonte da imagem: Reprodução/T3)

Sucesso absoluto de vendas e um dos produtos responsáveis por transformar a Apple em uma das empresas mais lucrativas, o iPhone poderia nunca ter saído do papel. A afirmação é de Jonathan Ive, designer criador do smartphone mais vendido no mundo. Segundo ele, os primeiros modelos de iPhone apresentaram uma série de problemas conceituais que, por muitas dias, fizeram com que a equipe de desenvolvimento do produto mantivesse a cabeça cheia de preocupações.


“Com os primeiros protótipos, eu segurava o aparelho contra a minha orelha e ele discava um número”, explicou. “Precisamos detectar as diferentes formas de queixos e orelhas, além do tom de cor da pele e do penteado. Esse foi apenas um dos momentos em que pensamos que talvez não fosse uma boa ideia lançá-lo”, completou.
Ive revelou ainda que não era incomum que a companhia desenvolvesse produtos incrivelmente atraentes, mas que acabavam sendo descartados durante o estágio de produção por não serem considerados “game changers” (expressão usada para produtos ou ideias capazes de mudar as regras do jogo no mercado).
“Em inúmeras ocasiões, nós estávamos nos preparando para o estágio de produção em massa e percebemos que estávamos falando um pouco alto demais sobre as virtudes de algo”, revelou. “Para mim isso é sempre um perigo, pois parece que estou tentando me convencer de que este produto é bom mesmo”, finalizou.
Fonte: T3