Astrônomos medem distância entre galáxias com precisão inédita

, , No Comments


São Paulo – Uma equipe de astrônomos mediu a distância entre a Via Láctea e a Grande Nuvem de Magalhães, galáxia vizinha, com precisão inédita. A descoberta pode ajudar a ciência a entender a misteriosa energia escura, que acelera a expansão do universo.

O astrônomo Wolfgang Gieren, um dos líderes da equipe, disse que os pesquisadores estão entusiasmados com o resultado porque os cientistas tentam medir com precisão essa distância há mais de 100 anos.O primeiro passo da medição entre as galáxias foi determinar o tamanho do universo ao medir as distâncias a objetos próximos. Depois, elas são usadas como escala para estimar distâncias maiores.
O cálculo mais preciso da distância até a Grande Nuvem de Magalhães foi feito ao observar pares raros de estrelas, os chamados binários de eclipse. Essas estrelas orbitam uma em torno da outra. Além disso, elas passam uma na frente da outra.
Visto da Terra, o brilho conjunto de cada binário diminui em uma determinada proporção quando uma estrela passa em frente da outra. A claridade também diminui em outra quantidade quando a mesma estrela passa por trás de sua companheira.
Ao detectar essas variações no brilho e medir a velocidade orbital das estrelas, é possível determinar o tamanho delas, assim como as massas e as características das órbitas. A combinação de todos esses dados permite determinar distâncias muito precisas.
A precisão é importante para a astronomia porque pode ajudar a determinar melhor a constante de Hubble, a taxa de expansão do Universo. Consequentemente, é possível compreender a energia escura, que faz a expansão do universo acelerar.