Vegetarianos podem viver mais, aponta estudo americano

, , No Comments
Vegetarianos podem viver mais, aponta estudo americano
Os pesquisadores da Loma Linda University, na Califórnia, nos Estados Unidos, descobriram novas evidências de que uma dieta vegetariana pode ser benéfica para a saúde. O estudo durou quase seis anos e contou com a participação de mais de 70 mil voluntários de ambos os sexos.

Os resultados da pesquisa foram publicados no periódico Journal of the American Medical Association e revelam que os vegetarianos tem uma vida mais longa em comparação aos onívoros, que são aqueles que seguem uma dieta que inclui o consumo regular de carne.
Todos os participantes eram membros da Igreja Adventista do Sétimo Dia e, durante o período da pesquisa, registrou-se a morte de apenas 2.570 pessoas, o que indica que os vegetarianos têm um risco 12% menor de vir a óbito.
Fonte da imagem: ShutterStock
“Esses resultados demonstram uma relação geral dos padrões de uma dieta vegetariana com um índice menor de mortalidade em comparação com os padrões de uma dieta não vegetariana. Os números também mostram algumas relações de um índice menor de mortalidade nas dietas pesco-vegetarianas, veganas e ovolactovegetarianas em comparação com uma dieta não vegetariana”, é o que aponta o estudo de acordo com o Huffington Post. 

Todos os tipos de vegetarianos?

Especificamente, os veganos (que não consomem carnes e qualquer outro derivado de origem animal, como leite, mel e ovos) apresentaram um índice de morte 15% menor, enquanto os ovolactovegetarianos (que excluem a carne, mas mantêm o leite e os ovos) registraram 9% menos mortes.
Fonte da imagem: ShutterStock
Os pesquisadores também notaram que os vegetarianos têm uma tendência maior a serem casados, têm melhores níveis de educação e são mais magros. O mesmo grupo também se mostrou mais disposto a praticar exercícios físicos, não fumar e não consumir bebidas alcoólicas. Os pesquisadores ressaltam que esses hábitos também podem contribuir para uma vida mais longa.
Essa não é a primeira pesquisa realizada pela Loma Linda University que busca revelar os benefícios do vegetarianismo para a saúde de todos nós. Em 2012, outro estudo mostrou que os homens vegetarianos viviam 9.5 anos a mais e as mulheres que seguiam esse tipo de dieta viviam 6.1 anos a mais do que os outros habitantes da Califórnia.