Microsoft lança linha de produtos para provocar o Google em loja online

, , No Comments
Microsoft resolveu deixar clara toda a sua rivalidade com o Google na sua loja virtual: a fabricante do Windows acaba de lançar uma linha de produtos contra o gigante de buscas cujos principais temas são alfinetadas sobre falta de privacidade nos serviços Google. A empresa de software americana acusa a rival de vender informações de usuários para seus anunciantes.

Os produtos lançados vão desde bonés até xícaras. Neles, estão estampadas mensagens utilizando o termo “Scroogled”, que foi criado pela Microsoft para alertar ao fato de que o Google coleta dados pessoais de seus usuários para usá-los com fins comerciais na web.

Os itens foram lançados justamente na temporada de compras natalinas na Microsoft Store.
Microsoft lança produtos com mensagens contra o Google (Foto: Reprodução/Mashable)Microsoft lança produtos com mensagens contra o Google (Foto: Reprodução/Mashable)
No início deste ano, a Microsoft lançou uma nova campanha chamada “Don’t Get Scroogled”, cujo o objetivo era expor a decisão do Google de exigir pagamento dos comerciantes para que seus produtos se destacassem nos resultados do Google Shopping. Depois disso, o termo Scroogled passou a ser usado para destacar que a gigante de buscas vende seus resultados, enquanto o Bing da Microsoft abraça o que seria uma mais “busca honesta”.
Embora não cite o nome Google diretamente, a maioria dos produtos lançados pela Microsoft incluem o logotipo do Google Chrome. Em um dos artigos à venda (uma xícara com o ícone do navegador), uma mensagem sugere manter a calma enquanto seus dados são roubados.

Enquanto isso, uma camisa com a palavra “Scroogled”, estampada na parte da frente, inclui uma nuvem de palavras ao redor contendo termos como " enganado", "vigiado", "fofoca", "ludibriados" e assim por diante. Todos os produtos oferecidos usam as cores do Google.
Produtos "Scrooled" na loja da Microsoft (Foto: Reprodução/Edivaldo brito)Produtos "Scrooled" na loja da Microsoft (Foto: Reprodução/Edivaldo brito)
Além de faturar com a venda desses produtos, parece que agora a Microsoft está adotando uma atitude de brigar mais abertamente com o Google, o que pode colocar mais lenha na fogueira dessa guerra de gigantes. Resta saber se os usuários Windows irão vestir a camisa.
Veja a resposta do Google, que fez uma piada sobre os "acessórios inteligentes" da rival.